Saque DEP COD 50: O que fazer, O que significa, Saque JAM

Ao fazer a consulta do valor do Fundo de garantia, algumas pessoas se assustam ao ver o Saque DEP COD 50. Afinal, o que será que isso significa?

Em 2019, o governo brasileiro decidiu liberar o FGTS de milhões de pessoas, como estratégia para melhorar a economia e estimular o consumo no país.

Então, mais de 100 milhões de brasileiros acessaram suas contas para checar o valor disponível.

Foi nesse momento que alguns acabaram encontrando a informação de Saque DEP COD 50. Sem saber o que significa, muitas pessoas buscaram informações. Explicaremos o que é isso agora! Veja também qual o significado dos códigos de saque do Fundo de Garantia – código 19E e código 99 e o que fazer nesses casos.

O que Significa DEP COD 50?

O Saque DEP COD 50 refere-se ao valor efetivo do FGTS. Ou seja, é o valor que foi depositado por uma ou mais empresas nas quais você tenha trabalhado durante a sua vida.

Esse valor não inclui os juros. Lembre-se que o FGTS não movimentado acaba gerando juros. Mas, no caso do DEP COD 50 isso não está sendo contabilizado.

O que Fazer no caso do Saque DEP COD 50?

Você não tem que fazer nada com relação a esse código. É apenas uma informação de que o valor está disponível – e pode ser sacado se você quiser.

Pode ser que apareça mais de uma linha com informação do Saque DEP COD 50.

Isso porque os valores são contabilizados individualmente, ou seja, uma linha para cada emprego registrado que você tenha tido e que tenha gerado valor para o FGTS e ainda não sacado.

Saque JAM COD 50 do FGTS

No caso do Saque JAM COD 50 FGTS, a sigla “JAM” significa “Juros e Atualização Monetária”. Isso quer dizer que nessa situação há o cálculo de juros já calculado.

As contas vinculadas ao FGTS são contempladas com atualização monetária pela TR e juros remuneratórios (3% ou 6% ao ano). Nesse caso o valor já está calculado com esses acréscimos.

Quem tem Direito a sacar o FGTS?

Existem situações específicas em que os brasileiros têm direito a sacar o FGTS. Veja a lista com algumas situações:

  • Profissionais dispensados sem justa causa;
  • Acordos entre as partes – empregador e empregado;
  • Quem está em negociação para compra da casa própria, para complementar pagamento de imóvel comprado por meio de consórcio ou via financiamento;
  • Trabalhadores dispensados por término de contrato;
  • Fechamento da empresa;
  • Rescisão por aposentadoria;
  • Vítimas de desastres naturais, como enchentes e vendavais;
  • Trabalhadores avulsos empregados através de uma entidade de classe suspensos por período igual ou superior a 90 dias;
  • Trabalhadores quem tem 70 anos ou mais;

Existem muitas outras situações em que o FGTS também pode ser liberado. Porém, o mais importante é o trabalhador conhecer os seus direitos e busca-los quando necessário. Leia também quem tem direito a saque o FGTS pelos códigos 04 e o saque 01 DEP.

Consultar Valor do Saque FGTS

Se você está curioso e quer consultar valor do saque FGTS, siga o passo a passo:

  • Acesse o site da Caixa clicando aqui;
  • Forneça o número de seu NIS ou CPF;
  • Cadastre uma senha e Aceite os termos;
  • Preencha seus dados pessoais;
  • Preencha novamente seu NIS ou CPF;
  • Utilize sua senha cadastrada e clique em “Acessar”.

Você também pode baixar o app da Caixa em seu celular e fazer a consulta por lá. Não se assuste caso veja o Saque DEP COD 50. Significa apenas que o valor está disponível, e não que ele foi retirado.