sexo gratis sexo

InvestNE - "O seu portal de investimento e informações do nordeste".

Pesquisar

Pesquisar


Tamanho da Fonte

Domingo, 20 de abril de 2014

Hotnews

< Playback Play >

Pequenas e médias empresas representam 10% do mercado livre de energia

Jeudi, 12 Juillet 2012 10:18
There are no translations available.

Setor tem potencial elegível para 12 mil empresas

 

energiaeletricaO mercado livre de energia está em expansão no Brasil. Hoje, já representa 28% de todo o consumo do país, ou seja, 61 mil MW médios. Um dos segmentos que fortalece o crescimento é o consumidor especial. Atualmente, estas empresas representam 10% do mercado livre. “Apesar desta carga ainda ser considerada baixa, estes consumidores têm potencial elegível de alcançar 12 mil empresas”, afirma Luis Gameiro, diretor da Trade Energy, comercializadora independente de energia.

 

De acordo com o executivo, atualmente, são 670 consumidores especiais.  Para facilitar a migração de novos consumidores, reduzir a burocracia, sem exigir das empresas grandes conhecimentos das complexas regras do setor e atingir um maior número de consumidores especiais, há um processo de Audiência Pública na Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), com data limite para a contribuição dos agentes, o dia 13 de julho. A proposta, da figura de um comercializador varejista, surgiu devido à preocupação da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), com o aumento do número de pequenos consumidores nos últimos três anos, e mais de 300 apenas em um ano, apesar da proposta prever atendimento até 50 MW.

 

“Espera-se que a CCEE possa diminuir ou mitigar problemas que possam surgir com a grande pulverização do mercado de energia incentivada. A minuta de resolução não abordou a simplificação do Sistema de Medição para os consumidores que serão atendidos pelo Comercializador Varejista, assim, um supermercado, por exemplo, dentro do mercado livre, terá o mesmo sistema de medição que uma usina como Itaipú, mas a Agência deveria aceitar pleitos de simplificação”, declara Gameiro.

 

A Trade Energy orienta para que os consumidores especiais aproveitem a boa oportunidade de compra de energia, em função dos baixos preços atualmente praticados e da queda nos preços spot de energia, que influenciam também os contratos de longo prazo, o que permite significativas economias com seus gastos em energia elétrica, na expectativa que a aprovação do comercializador varejista venha simplificar não só a adesão, mas também, a adequação necessária do sistema de medição.

 

A carteira de clientes da Trade Energy, no segmento de consumidores especiais, é composta por empresas que consomem exclusivamente fontes incentivas e/ou alternativas de energia, contribuindo com a sustentabilidade. “Nossa expectativa de crescimento desta área é de 30%”, finaliza Gameiro. Atualmente, a Trade Energy possui em sua cartela de cliente, neste setor, empresas como Berneck, GKN, Hering, Salton, Trombini, entre outros. Consumidores especiais possuem demanda contratada acima de 500 KW e abaixo de 3 MW, com despesas de energia elétrica acima de R$ 100 mil por mês.  

Add your comment

Your name:
Your email:
Seu estado: Your website:
Titre:
Comment:

Notícias em Destaque


Rua Dr. José Lourenço, 870 - Salas 505 a 508 - Edifício Consorte
Aldeota - Fortaleza/CE
CEP: 60.115-280
Fone ( 85) 3088.5504 / Fax ( 85) 3133.7751
comercial@investne.com.br
luizcarlos@investne.com.br

Fim da Página